Thursday, May 27, 2004

MACHUS vs PITUS... quem diria!

Foi mesmo a minha grande preocupação que me forçou a escrever este post aqui no blog... A inspiração não tem sido muita ultimamente, por isso não tenho empurrado as tretas do costume pela goela do pessoal abaixo (sim, eu já tou mm a ouvir os vossos suspiros "oh não! ele voltou!").
Quem apostou que venho falar da velha batalha do "quem usa as calças lá em casa???"... ganhou!!! Pois é meus amigos, tenho vindo a ouvir rumores de preocupação de todos os lados referentes à predominância da mulher no "lar, doce lar"... E o que tenho a dizer é isto: Se elas querem continuar a pensar assim, pra quê tentar convencê-las do contrário? Elas que se continuem a iludir... Senão vejam isto: Quem é que as socorre quando (imaginem!) é preciso fazer um furo na parede? Quem é que as salva do intricado e complexo processo de mudar uma lâmpada? Quem é que sabe sempre o caminho certo pra onde quer ir, mesmo sem ter que perguntar a ninguém??? A resposta é óbvia, não é meninos? Elas não são de certeza (verdade seja dita que tb já ouvi dizer que algumas até conseguem fazer coisas destas, mas é como os ovnis: nunca vi um(a)!) Ainda por cima têm o descaramento(!!!) de dizer que se não fosse por elas não conseguiríamos sobreviver... Queria vê-las a serem largadas no meio do mato com apenas um canivete suíço, uma laranja e uma pastilha elástica usada! Nunca vi nenhuma gaja a conseguir sair de lá, por outro lado o McGiver conseguia não só fazer isso, como também construir uma bomba atómica a partir de dois gravetos, uma garrafa de limonada e uma lata de feijões com tomate (só pra dar mais potência) ligando tudo com fita adesiva e usando como rastilho o cordão da sapatilha que tinha pescado havia pouco usando o fio de nilon que tinha feito a partir da seiva de uma àrvore... (que saudades do meu herói de infância...) Acho que já me perdi um bocado... Ah! sim! "Gajas que mandam em casa"... Deixo aqui uma pergunta: Já alguém viu uma gaja na construção civil? (a carregar baldes de massa, entenda-se) Imaginem como era irem a passar na rua e ouvirem uns piropos de umas miudas cheias de cimento e areia por tudo quanto é lado a suar que nem "cavalas"!!! LOL!!! Isso é que era uma barrigada de rir!!!
Tenho portanto uma proposta a todos os gajos que aqui vêem (e os bioquímicos devem-se lembrar disto bem). Vamos voltar a fundar o movimento M.A.C.H.O.S.I. (Movimento Associativo e Corporativo dos Homens Opositores ao Sexo Inferior)!!! Juntemo-nos contra a conspiração que se forma neste exacto e preciso momento e ameaça usurpar por meios duvidosos e portas travessas o poder que nos foi legado pelos nossos antepassados (quando ainda se pegava pelos cabelos da gaja e se arrastava a míuda até ao covil). MACHOSI ao poder!!! MACHOSI ao poder!!! (gritem comigo!!!)

Bem, acho que por hoje já chega! Força camaradas! E, já agora, parabéns ao FêCêPê que ganhou a liga dos coumpiões, carago!!!

Sayonara

PS: Que raio de comentários são esses Vanadis?!?!?!? "machus, machus, machus", "tens que ser + específica senão estes machus não chegam lá"... Até parece que tens algum problema com o pessoal do sexo masculino! Posso afirmar por todos os "machus" aqui do sítio que não temos problema nenhum com vocês meninas.

7 comments:

ZP said...

MACHOSI POWER!!!!!

ganda said...

Começando pelo P.S. - Eu não tenho nada contra o sexo feminino... e aliás eu tenho convidado senhoras e meninas a particpar no blog, só que o que me parece é que elas pensam que computadores e internet e tudo o que vêm atrás é coisa para homens (...) e não ligam muito. Sim eu sei que há excepções... depois às tantas não têm imaginação para escrever, são envergonhadas ou apenas preguiçosas...

Agora essa cena do MACHOSI, por muito gay que isso me faça, não gosto por causa daquilo que vocês consideram "Sexo Inferior"... se isso quiser dizer mulher estou fora... agora se isso quiser dizer que esse movimento pugna por diminuir o sexo inferior, de baixa qualidade (e quando falo em sexo, não estou a falar no género, mas sim no acto) tou dentro... (e fora e dentro e fora e dentro e fora e dentro...)

Agora deixem-me que vos diga uma coisa, "Ora Tomem Lá": Eu gosto de as ver por cima de mim!!!

Agora aquela dos piropos das gajas da construção civil, é uma imagem que me custa a visualisar, a não ser que fossem, já não digo top models mas, gajas boas... o que é dificil imaginar uma gaja boa nas obras, o que me vem à cabeça são hemafroditas que optaram pelo sexo feminino, ou mulheres tipo XXY. hugggg

Ai o Macgyver...

dharyk said...

"Sexo Inferior" denomina toda e qualquer prática de âmbito sexual que (por muita pena que tenha) mais valia tar quieto e não a ter feito (sim, porque um gajo só se apercebe no fim mm, pois até lá todo o fluxo sanguíneo é desviado pra um lugar mais produtivo). Ergo: não é no sentido de rebaixar as meninas por terem o sexo (leia-se género) que têm, mas sim, por fazerem sexo à "rais-te-parta" (isto aplica-se a ambos os géneros, macho e fêmea). O ónus da nossa luta é, portanto, um combate feroz a toda e qualquer actividade sexual de baixo rendimento e de nulo (ou quase nulo) prazer. Para além disso se retirássemos o "I", ficaria: Movimento Associativo e Corporativo dos Homens Opositores ao Sexo (M.A.C.H.O.S.) o que não só daria uma sensação de homossexualidade, como seria inclusivé um movimento de "pichas-frias" (como diz a minha querida avozinha), ou seja, gajos que não as aquecem (às pichas) nem por nada, exceptuando uma masturbação ocasional (o que se inclui numa actividade de baixo rendimento sexual). Quero dizer com isto ganda, que podes sem receio algum unir-te a nós (salvo seja!) e reclamar melhores condições nas actividades sexuais.

Atenciosamente,
dharyk

Vanadis said...

Eu só tenho problemas com Machus mesmo...e o teu post foi muito Machu mesmo... :-((((((((((((((((((

Vanadis said...

:-))))))))))))))))))))))))) Tava no gozo, né? Olha, para mim é tudo areia do mesmo saco, Homem, Mulher, Hermafrodita e por aí fora (nos dias que correrm sabemos lá nós se ainda não há-de aparecer um quarto sexo...). Com género / sexo ou sem ele, somos todos iguais, ou seja, pessoas. Cada um com a sua telha. E lá em casa quem muda as lâmpadas sou eu...só não pego no "blacandequer" porque arriscava-me a mandar o prédio abaixo...e isso não é por ser gaja, é por ser naba, mesmo. E também já trabalhei nas obras...
Piortanto, antes demais, somos pessoas. Cada um com a sua biologia, fisiologia, bioquímica, psicologia, alma...cada um com a sua telha.

ZP said...

Vanadis, já trabalhaste nas obras? E também mandavas aqueles piropos aos gaijos que passavam na rua?

Vanadis said...

Eu não faço nada que não goste que me façam a mim...além disso, as obras eram na casa dos meus pais...lololol