Thursday, September 08, 2005

A tragédia, o Drama, o Horror - Versão Tuga

Mas vocês sabem lá o que me acabou de acontecer...tou tão fula, mas tão fula, e com uma sensação de vingança e impotência tão grande que não sei que lhe faça!!

- Mais vale esqueceres! - dizem uns.
- Habitua-te que não vai ser a última vez que isso te acontece! - disseram outros.
- Fica sossegadinha e não ligues. - aconselharam outrossins.

Mas eu não consigo esquecer, nem conformar-me, nem ficar sossegadinha!! Eu quero VINGANÇA!!!!!!

Então foi assim...
Ia eu pela Via do Infante, atrás do pópó do Horace (resolvemos vir a Portimão cada um no seu carro, porque eu quero bazar para Faro mais cedo), a 100 à hora, descansadinha da vida. Vejo um camião dos grandes, nos seus 80/70 Km/h, e de imediato decido ultrapassá-lo.
Passa um carro, passam dois e vrrrrrrrum, é agora (o Horace à frente a fazer o mesmo). Qual não é o meu espanto, ué, quando um Mercedes se assoma à faixa da esquerda e desata a bombardear-me com máximos! A mensagem era clara: "Sai da frente que a estrada é nossa!!". Como eu já tinha iniciado a ultrapassagem, logicamente que ia acabá-la antes de voltar para a direita. Mas, como eu não saí da frente quando suas excelências acharam que eu devia (oh, o drama de ter de travar e andar à velocidade máxima permitida!!), encostaram-se à minha traseira com os máximos ligados!!!
Fiquei toda fxdida, poix fiquei!! E não lhes saí logo, logo da frente (só se quisesse ir contra os carros ao lado...e, confesso, queria vingança por se terem armado em carapaus de corrida)...havia ter que ver...
Quando voltei à direita, suas excelências -que já não estavam com tanta pressa- assomaram-se todas (era uma família!!! de bifes...) à janela daquela carripana a que chamam Mercedes e destaram a gritar impropérios e a fazer-me sinais feios...eu caguei neles e, lógicamente, mostrei-lhes o dedo do meio...ai ai ai...
Eu a pensar que a coisa acabava por ali, mas não. Todo lixado por ter levado com o meu dedo do meio, o gajo fingiu que me ia abalrroar!! Assustei-me e quase me espetei...mas depois pensei que ele não ia arriscar lixar o Mercedezito e recompuz-me. E ele voltou a fazer o mesmo...é aí que o Horace repara no que eles estavam a fazer e zás, protesta, manda sinais, buzina-lhes...e eles tentam abalroá-lo! Mas ele já conduz há séculos e imitou-os. E, por um minuto, a Via do Infante foi um duelo autêntico!
Os gajos acabaram por se fartar e aceleraram (quase 200 à h) para desaparecer. Não sem antes de eu ter sacado a matrícula...

Obvio que agora quero vingança. Que quero ir á polícia. Mas já me disseram para esquecer, que não vale a pena. Então isto é assim, uma pessoa sujeita-se, comforma-se, cala-se e reza para que não a tirem da estrada?? Quer dizer que só se eu tivesse saído dali enfiada numa ambulância é que a polícia faria algo??

A matrícula é: 83 93 IM. Se virem um Mercedes assim, já sabem...e se tiverem ideias...muaahahahahahaha!!!!

Que frustração...

12 comments:

Vanadis said...

Chiça, ñão me digam que não têm nem um comentariozito p postar... :-(((((((

ganda said...

Eu até era para comentar, mas depois distraí-me com o post do Duarte!
Pois o que eu tenho a dizer é que compreendo o teu ponto de vista. Mas por outro lado, há que ver que se ele à partida vem "àbrir", tu como uma condutora que pratica a chamda "condução defensiva" deverias ter abrandado na faixa da direita. Isto era o que eu faria e normalmente faço. Depois também acho que devias ter passado logo para a esquerda, pq a vingança que tu querias podia ter corrido mal para ambas as partes.

Estou a dizer isto não a censurar-te pelo que possas ter feito ou a desculpabilizar os "bifes", mas este seria o comportamento que eu adoptaria.

Boas voltas e calma na estrada.

Prof. Bambo said...

Concordo com o Ganda mas de certo isto já aconteceu a todos e de certo que é uma situação em que um gajo "se passa"!
Independentemente de set Mercedes ou Austin Morris, o que é certo é que anda aí muita gente na estrada que pensa que há uma faixa só para eles, especifica para uma casta superior.
A quem é que não aconteceu na AE ao fazer uma ultrapassagem e vir um carro a 500 metros atrás já a fazer sinais de luzes?!?Ou revela uma falta de análise em relação à distância ou - a mais provável- revela uma presunção tipica de um condutor tuga.
Olha Vanadis, antes isso do que encostar-se mesmo à traseira do carro...ai ai, isso é que é de "subir às paredes" grrrrrrr!

Agora "bifes" num Mercedes de matricula portuguesa de 1997 é que não é normal...
Se calhar, já aprenderam como se conduz por cá...

Anonymous said...

eu só tenho 2 ou 3 coisas a dizer. Assim, estas são:

1 - sim, tens razão a chato o comportamento do mercedes, mas acontece. Nesse ponto tens razão em ficar chateada.

2 - Mas perdeste a razão com o comportamento que tiveste a seguir.

3 - é melhor adoptares outro tipo de atitude pois, quando estas a mandar vir com alguém tu nao sabes quem te vai sair na rifa. E qualquer dia pode ser um maluco e pode nao acabar bem.

um conselho, memo que os outros façam asneiras, nao faças tu o mesmo.

boa condução

Vanadis said...

Eles é que começaram e me chamaram nomes...eu mostrei-lhes o dedo do meio a seguir...

E foi como o Bambo diz, qd eu comecei a ultrapassagem achei que tinha mais do que tempo de a fazer, porque o gajo vinha lá muito atrás. E qd ele desatou com os sinais de luzes, já eu estava na faixa da esquerda (Ganda, não trocaste esqda com dta? lol) e qd o mercedes se colou á minha traseira com os máximos ligados, eu tinha carros ao lado, não podia passar p a direita assim! Além disso, fiquei tão abananada com aquilo que nem sabia o que fazer. Passei-me ainda mais qd eles ainda foram malcriados e me chamaram parva a mim...possas, eles aceleraram só para poderem encostar-se a mim, pq eu tive o desplante de me meter na "faixa deles". Ora tenham lá paciência.
E sinceramente, não quero saber. Eu estava a 120 à hora!!! Se sua excelência respeitasse o raio do limite, não precisava de me pressionar a sair da frente, certo??? Era só vontade de armar e dre achar que a faixa era toda dele. Eu não tinha qq obrigação de lhe sair da frente!! E nem podia sair-lhe da frente, tinha carros ao lado!! Ele disso não quis saber!!!

Bem, tinham ar de bifes, mas não deviam ser. Mas estupidos, agressivos, suicidas e sei lá mais o que eram.

Só gostava era de ser chui. O gostinho que daria mandá-los encostar...enfim.

Já passou. E também aprendi a lição. Eu passo-me com gente estúpida e ignorante e não consigo deixar que fiquem sem resposta. Já muitos me avisaram que eu tinha de aprender a não ligar a certas coisas. Não é só na estrada. Mas passo-me e não consigo ficar quieta...

Vanadis said...

Obviamente que tb não nego que fiquei toda lixada por o gajo se ter encostado a mim de maximos ligados e que pensei "sacana, agora não te saio mesmo da frente". Obviamente que não nego que me passo logo com estupidezes, agressividades e eteceteras. Mas também já aprendi, em primeira mão, que o melhor é ficar na minha e ignorar. Um primo meu tem um amigo que, à conta de uma cena assim, levou um tiro...e morreu.
Mas porque é que tem de ser assim? Pessoal, no Mar toda a gente se cumprimenta quando se cruza!! Porque é que na estrada não pode ser o mesmo??
Eu até costumo ser simpática com o próximo. Deixo passar, deixo meter, etecera. Só me passo com quem faz asneira e te insulta a seguir!! Como no outro dia, ia eu na rotunda do hospital, na faixa de fora, e, por 2 vezes, carros da faixa de dentro quiseram sair e quase que foram de encontro a mim! E ainda me fulminaram a mim! Para jogar pelo seguro, devia era ter ido pela faixa de dentro (pq ia sair na 3a saida), mas não consegui meter-me a tempo (é a rotunda do hospital...). Ora, quem vai na faixa de fora tem prioridade...mas não, eles querem lá saber do código...
Ou então são os peões a passear no meio da estrada, que ainda te fulminam pq tens o desplante de buzinar para os avisar que vens aí...ou então no cruzamento do lidl, em que te fulminam pq não dás prioridade a quem vem do lidl...onde está o sinal de perda de prioridade para quem vem do lidl...

Chiça, pá. Ainda tenho muito para conduzir e aprender...

Prof. Bambo said...

Auto-estradas, rotundas, peões, cruzamentos!?!
Bolas...nasceste para a condução!!!

Vanadis said...

??? Num entendi, lol.

Bem, eu só conduzo desde Maio, recebi a carta no início do ano! Ainda tou muito agarrada ao que o instrutor de condução mandava dizer e fazer, lolol.

Anonymous said...

As mulheres não podem andar na faixa esquerda ! toda a gente sabe disso!

Vanadis said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Vanadis said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Vanadis said...

Caro anónimo, não queres dar-te a conhecer?...

Infelizmente é bem verdade. Um tipo, especialmente se for um tuga da idade da pedra, não suporta ser ultrapassado por uma gaja. Hellooooooooooo!!!!????? Estamos no século 21, gente.