Saturday, October 23, 2004

I Encontro de Bioquímicos fora de Portugal (3ª parte - Praga)

Para quem só agora chegou a este blog, ou simplesmente anda distraído, esta é a 3ª e última parte da foto-reportagem relativa ao 1º encontro de Bioquímicos fora de Portugal (ver arquivo). Passo então a descrever a nossa passagem pela lindíssima capital da República Checa – Praga.



A viagem de Dresden até Praga foi feita de comboio e durou pouco mais de 2 horas, que foram passadas a apreciar magníficas paisagens:



Foi também no comboio que conhecemos uma simpática bielo-russa (residente em Praga e que estudava em Dresden) a quem temos que agradecer por nos ter auxiliado nos transportes públicos após a chegada a Praga. Temos uma foto da chavala tirada às escondidas dentro do comboio, mas nem pensem que a vou postar (há que ter respeito…).
Já caminhando pelas ruas do centro de Praga, a prioridade foi arranjar uma cabine para telefonar ao tipo que nos iria alugar o apartamento. Pouco tempo depois já estávamos em casa:



Tudo tratado, estava na hora de ir curtir!!!





Interessante não é? Pois é, cada uma destas apetitosas canecas custava a módica quantia de 25 coroas checas (80 cêntimos), excepto a maravilhosa Kozel que custava 70 cêntimos (que saudades!!!):



A nossa estadia em Praga coincidiu com o inicio do Euro 2004. Um cartaz junto a uma porta anunciava um bar com ecrã gigante na cave, onde se poderia assistir ao Portugal-Grécia. Entrámos, e verificámos que tinha bom aspecto, um ecrã gigante e cerveja, tudo normal.



No entanto, a exibição da selecção de todos nós deixou muito a desejar, traduzindo-se numa decepcionante derrota. O ambiente dentro do bar também se alterou, tornando-se incompatível com 4 machos latinos. Foi só acabar as cervejas e zarpar dali para fora…
A cidade de Praga é atravessada pelo rio Vltava, e o seu centro histórico tem inúmeros pontos de interesse. As imagens falam por si:







A Charles Bridge (Karlúv most) é um dos muitos pontos de interesse, onde passam milhares de turístas diariamente, e onde se encontram frequentemente músicos, pintores e vendedores de souvenires.



No topo de uma colina numa das margens do rio situa-se o palácio real, e no seu interior a imponente catedral de "St. Vitus".




A vista no topo de uma das torres da catedral era simplesmente magnífica:



A "Wenceslas square" é a principal avenida do centro de Praga, e à noite é também o centro do turismo sexual da cidade.



Pode-se dizer que a night em Praga é bastante interessante e animada:





É claro que no dia seguinte as ressacas são lixadas, mas nada que não se aguente:



E foi assim o 1º encontro de bioquímicos fora de Portugal. Para o ano esperamos repetir a dose num local diferente e de preferência com mais participantes, estão todos convidados.
Portem-se!

12 comments:

ganda said...

Muito Bom!!

Sim senhor, que estas fotos dão inveja :P

A cerveja e as paisagens...

Agora sempre me disseram que as checas são as gajas mais lindas da Europa e tu nem a foto de uma tu tens???

E começo a desconfiar, ele é machos latinos, ele é Katy's, gajas é mentira... Começo a desconfiar!!

À parte disso, a fotoreportagem tá excelente (à parte da falta de gajas), e dá mesmo pena de não ter ido...

Fica para a próxima...

ZP said...

Ganda, acho que tenho que deixar alguns pontos bem claros, para que não existam confusões:

1º - Sim, realmente as checas são talvez as mulheres mais bonitas do mundo, confirma-se.
2º - Nós visitámos principalmente o centro de Praga, onde a maior parte do pessoal que por lá andava eram turistas. Era mais fácil encontrar bifas inglesas daquelas que já estamos habituados a ver no Algarve, do que propriamente nativas da Rep. Checa.
3º - Onde vimos mais checas foi nos transportes públicos (metro e eléctrico), local onde não é aconselhável andar com a máquina fotográfica à mão.
4º - Era durante a "night" que viamos mais gajas, e como é óbvio ninguém vai curtir para a night com a máquina fotográfica atrás.
5º - Sim, somos machos latinos, há alguma dúvida em relação a isso?
6º - De uma vez por todas, O KATY'S GARAGE NÃO É UM BAR GAY! Pergunta ao Jota se tiveres dúvidas.

Espero que tenhas ficado esclarecido.

ZP said...

Ganda, esqueci-me de te dizer, mas se quiseres fotos de checas eu conheço uns sites interessantes... :)

ganda said...

As dos sites normalmente são já muito "plastificadas" eu queria ver o "diamante em bruto"...

Em relação ao Katy's eu (agora) não disse que era bar gay, mas que não tinha gajas n tinha...

Eu n tou a duvidar da vossa masculinidade, mas há gajos "curiosos" e vocês com tanta novidade podia querer experimentar coisas novas como... a cerveja por exemplo!

Vanadis said...

Ai, vocês...

Realmente, já vi que este Verão esteve animado!

Pois, checas, nem vê-las...desculpas, desculpas...cá p mim não viram foi nada de jêto por aí...muahahahahahahaha

ZP said...

Ganda, experimentámos muitas cervejas novas, isso é verdade. Também experimentámos a gastronomia checa, mas era demasiado condimentada para meu gosto.
Vanadis, nós vimos alguma coisa de jeito, mais em qualidade do que em quantidade. Infelizmente a máquina nunca estava comigo quando era preciso, tenho que comprar um daqueles telemóveis com câmara fotográfica acoplada.

jopemafi said...

Oi colegas Bioquímicos. Este é o meu primeiro comment, já agora parabéns Ganda pelo blog.
Já que, como integrante deste extraordinário encontro de Bioquímicos fora de portas, a minha masculinidade foi atacada (e quem me conhece sabe que não há pior ofensa!) tenho que vir aqui contra-atacar!
Quanto às checas só posso dizer que eu pelo menos fiquei com os músculos do pescoço completamente arrebentados de tanto olhar para para um lado e para outro (às vezes até mesmo para cima pois pareciam que choviam às vezes!). Cheguei mesmo a desafiar as leis da Natureza pois devido à necessidade (o Darwin deve tar a dar voltas na tumba... e o Lamarck a rir-se de contente) consegui desenvolver a capacidade camaleónica de olhar para diferentes sítios (gajas) com cada olho!
Quanto ao "intercâmbio cultural" Portugal/Rep.Checa, só o ZP pode responder honestamente a esta pergunta (sendo que era o único com namorada!).
Tou no gozo amor! Sabes que não se passou nada!

PS - Na foto tirada no Katy´s Kitchen só aparecem gajos porque todos queriam aparecer ao pé de nós na foto para ver se conseguiam sacar mais gajas! A cidade de Dresden também me impressionou a retina e ajudou ao aquecimento dos músculos do pescoço.

ZP said...

Quero apenas dizer que por solidariedade com os meus companheiros de viagem, todos eles com namorada, não vou descrever o "intercâmbio cultural" que aconteceu durante a nossa viagem a Praga.

ganda said...

Eu acredito que as gajas sejam mesmo muito lindas, mas nem um grande plano??

Ó ZP tens mesmo que arranjar o telele com camera!

Anonymous said...

Oi pessoal,
E verdade, Praga e mesmo uma cidade lindissima. Por isso, se tiverem um tempinho para ca dar um salto, fico a vossa espera. Pelo menos em Dresden tem um sitio onde ficar. Como ja viram no primeiro post sobre o encontro na Alemanha a minha casa e pequena... mas se foi possivel enfiar la o Ze, Beto e Joni...nao foi facil, mas eles dormiram muito agarradinhos...
Pois, mas la por eles terem dormido agarradinhos nao pensem que o Katys Garage e a versao alema da Ovelha Negra, nem pensar! Ora curtam la a pagina dos gajos: http://www.katysgarage.net/

Um abraco e ca vos espero,

Jota

ZP said...

Jota, tive a ver o site e não te vi lá agarrado a nenhuma daquelas matulonas, como é que é?

ganda said...

Pois Ok! venha de lá o Kat's garage!! A republica checa "mi isperi" (isto é em brasileiro)...

p.s. tou a gostar, o blog depois de uns tempos de indefinição a voltar ao bons velhos tempos!!