Wednesday, January 12, 2005

Falam, falam, falam, falam, falam, falam...

Tenho que desabafar: TOU REVOLTADO!!!

Não é que esta tarde vim calmamente à net dar uma vista de olhos pelas notícias nacionais, e dou de cara com isto: Clicar aqui
Pois é, foi anunciado com pompa e circunstância em Novembro uma nova lei que proibiria o consumo de tabaco em locais públicos, nomeadamente restaurantes, bares, discotecas, unidades de saúde, locais de trabalho, escolas, instituições para idosos e nos meios de transporte. Que eu saiba, nas unidades de saúde, escolas, meios de transporte e penso que também nos lares de 3ª idade, já era proibido fumar pela lei actual. Se as novas "medidas antitabágicas" não vão incluir os restaurantes, bares e discotecas, eu pergunto: O QUE É QUE MUDA AFINAL??? Vai ser proibido fumar no locais de trabalho, e eu pergunto mais uma vez: NOS BARES, RESTAURANTES, CAFÉS E DISCOTECAS NÃO HÁ TRABALHADORES? O mais caricato da situação é que o ministro afirma que não há um recuo, mas sim uma alteração do diploma! Este governo sempre foi especialista em atirar areia para os olhos do pessoal, mas isto já é fazer-nos passar por otários e atrasados mentais. A verdade é que as medidas antitabágicas anunciadas em Novembro seriam provavelmente as únicas deste governo às quais eu tiraria o chapéu. No entanto, o poder das tabaqueiras e o voto dos fumadores (para quem estas medidas seriam incómodas e polémicas) falou mais alto do que a saúde pública. Agora mais do que nunca quero que este governo và para a PQP depois do dia 20 de Fevereiro!

E entretanto, enquanto jantamos calmamente num restaurante vamos continuar a apanhar com o fumo do palhaço da mesa do lado, ou a regressar de um bar com um cheiro entranhado parecido ao de um chouriço acabado de sair do fumeiro.

Fico chateado, pois concerteza que fico chateado!


18 comments:

Vanadis said...

Estas leis são do mais estúpido e hipócrita que há, seja esta versão ou a anterior, sendo a emenda pior que o soneto, como não podia deixar de ser...
Porquê? Eu exlico melhor, mas acho que já todos estão com um pensamento em mente: o Estado quer garantir o contentamento (leia-se, votos) dos não-fumadores e afins envolvidos na saúde pública e, ao mesmo tempo, continuar a encher o bolso à custa do negócio das tabaqueiras...e, claro, a manter contentes (leia-se, ganhar votos) aqueles que escolheram dar cabo dos pulmões. Ou seja, qualquer proibição de fumar vinda do estado é hipócrita e revela a real importância que estão a dar ao assunto...
Querem ser coerentes?? Declarem o tabagismo uma doença! Patrocinem e comparticipem tratamentos para deixar de fumar! Façam campanhas e publicidade constante e visível aos malefícios do tabaco!
Querem ser ditadores? PROIBAM o raio do tabaco, que faz pior que um charro de cannabis! Mas aí, não se esqueçam de proibir também o álcool...e os fritos...e os bolos...e a MacDonalds...

Infelizmente esta lei acaba por ser discriminatória também...gente que fuma também é gente, certo? Podem ser realmente muito espertos por encherem os pulmões de porcaria, mas continuam a ser gente. Se querem dar cabo dos próprios pulmões, que dêm, mas que não arrastem consigo os que escolheram não se envenenar (com tabaco, pelo menos). Daí que eu esteja de acordo com os típicos "lugares de fumador" e "lugares de não fumador", aplicados a todos os sítios...mas isso só na ilha Utopia, talvez...

Enfim, penso eu de que...

Prof. Bambo said...

Também tive conhecimento dessa "alteração" legislativa ontem á tarde aqui pela net.E sem margem para duvidas,que o Zp tem razão:Estes gajos devem pensar que um gajo é um coitadinho de um retardado!!!
Quando li a 1ª proposta de lei,pensei:"Eh lá,não terá sido um holandês que escreveu isto???"De facto o diploma chegava a roçar o "fundamentalismo",mas na minha mui humilde opinão,era importante que fosse para a frente.Mas foi sol de pouca dura,ou não fossemos "tugas"!
Agora com este "pequeno retoque", praticamente exclui qualquer proibição para além das existentes, deixando para os proprietários dos bares e restaurantes a legitimidade de poder descricionário de proibir o consumo de tabaco no seu estabelecimento.Ora,isto é o mesmo que nada!
Vocês (nem eu!) não imaginam o poder da Tabaqueira no Governo!Quais Belmiros,J.P.Coutinhos,ou Melos...!
Só sei que com esta lei - que não é carne nem peixe - vai haver muito "serrabulho" nesses bares e restaurantes por esse país fora...Ui,até já tou a ver (não fosse eu o Prof.Bambo...eheheh!!!).

ZP said...

Vanadis, o que é que a primeira versão da lei tem de hipócrita? A proibição do tabaco em TODOS os locais públicos já está em vigor em alguns países, porque não em Portugal? Seria certamente complicado de implementar este sistema de inicio, mas as mentalidades certamente que iriam mudar aos poucos. O estado continua a encher os bolsos à custa do tabaco? É verdade, e talvez isso tenha influenciado esta "pequena alteração" do governo. Na minha opinião, hipocrisia é deixar de se tomar uma decisão que seria certamente importante para a saúde pública para não diminuir a quantia que entra nos bolsos do estado com este negócio, justificando com argumentos ridículos. Como já foi dito, as proibições vão pouco além das que já havia na lei actual. Pode-se então dizer que a medida que o governo vai tomar é na práctica uma "não medida". Qual vai ser o próximo passo do governo, proibir os assaltos à mão armada e os roubos por esticão na via pública?

Prof. Bambo said...

Para mim, já me chegava a proibição de fumar nos restaurantes.Será pedir demais?

Vanadis said...

Zepe, eu acho que expliquei bem o porquê de ter dito que ambas as versões são hipócritas. Em ambas, mesmo que uma seja mais fundamentalista que a outra, o Estado continua a encher os bolsos à custa das tabaqueiras! Se a essas proibições juntassem comparticipação de tratamentos p deixar de fumar e publicidade constante aos malefícios do tabaco...ou, melhor, que o proibissem de vez, em TODO o lado. Aí, sim, já me provavam que punham de lado os interesses que têm com as tabaqueiras em prol da Saúde Pública. Mas como isso não vai acontecer, continuo na minha: não passa de hipocrisia. Percebes onde quero chegar? Penso eu de que! Lol.

Prof. Bambo said...

E tu Ganda? Não dizes nada? Podes dizer qualquer coisa! Não te acanhes!
Faz de conta que o blogue é teu...;D

ganda said...

Eláaaa, provocação aqui???

Então queres saber a minha opinião? Olha eu acho que se ninguém fumasse não se perdia nada...

Quem é que não acha incomodo estar a almoçar num ambiente cheio de fumo? pelo menos a maior parte das pessoas... Mas eu também não gosto de almoçar ou jantar com bebés e crianças na mesa ao lado a berrar a toda a hora, portanto também acho que devia ser proibido, levar crianças para locais de adultos...

Agora o que é que eu penso do tabaco? A Amy antes de namorar comigo fumava, e agora "diz" que nem pode pensar em fumar porque enojou... isto diz alguma coisa! :P

Agora em relação à postura do governo, não esperava outra coisa.. não que eu ache que tudo o que eles fizeram, fazem ou vão fazer esteja mal feito, mas este é um daqueles assuntos... tal como as viagens do Morais Sarmento... Vira o disco e toca o mesmo....

O Ministro da Saúde foi o que mais me surpreendeu, porque sempre pensei que ele não resistiria à remodelação do governo... Não acho nada de especial o que ele tem feito, sendo que umas das maiores apostas dele, os Hospitais S.A., quanto a mim foram um grande barrete, o custo é o mesmo e o atendimento e serviço julgo que piorou...

Tenho dito...

Joao David said...

Oi malta!

Gostei do título...
A opinião sobre este assunto depende muito se és fumador ou não. Mas em termos de cada país existe sempre uma economia por trás destas medidas.
É verdade que se um governo proíbe o livre fumar, está a arruinar o negócio das tabaqueiras e perder muito dinheiro com os impostos. No entanto num país com serviços de saúde público, o dinheiro gasto nos tratamentos de doenças causados pelos efeitos do tabaco poderão pesar muito mais do que o dinheiro ganho dos impostos.

No mundo inteiro está haver uma revolução anti-tabaco como nunca se viu. Este movimento começou pelas américas e está a estender-se agora pela europa etc.
http://news.bbc.co.uk/1/hi/world/4016447.stm
No entanto Portugal quase me supreende quando deixa os locais de mais consumo de tabaco livres da lei.
"Bares e restaurantes de fora"

Mas não vale a pena ficarem muito fulos com a situação porque em pouco tempo terão oportunidade em votar numa mudança e ver o que dá.

O lado mais positivo é no entanto não haver a inibição por parte das praias. Por isso vamos saber muito possivelmente o verdadeiro voto do povo.

ganda said...

Eu sou a favor de qualquer anti-tabagica que exista...

E viva o Butão!!

Prof. Bambo said...

Mas tu és do "contra",já se sabe...!

Vanadis said...

É isso, JD! É por esses negócios com as tabaqueiras existirem que eu acho esta lei hipócrita...continuo na minha: tornem o tabaco ilegal...tenho dito! ;-D

Joao David said...

Pessoalmente não concordo muito com proibição do tabaco. Seria um tiro no pé. Aumentava-se logo procura no contrabando a preços extremamente inflacionados. A cannabis é proibido mas o consumo é bastante elevado em Portugal. Normalmente o resultado é pagares um preço muito elevado por pouca qualidade no produto.
Aumentar os impostos nas tabaqueiras também é algo que também não funciona.
Aqui em UK o preço do tabaco é estupidamente alto, mas como as viagens para o resto da europa é muito frequente pede-se normalmente a este ou aquele para trazer o máximo de tabaco possível de outros países muito mais barato.

O que se arranjou pelos vistos é a técnica discriminação social o que a meu ver tem lógica. Uma vez que é a pressão social que faz com que se comece a fumar, é lógico usar a pressão social para retirar o vício.

Mas quem sofre com isto tudo são os actuais fumadores...

Joana said...

Eu SOU fumadora e também me incomoda o cheiro do tambaco quando estou a comer, tento não fumar em restaurantes e cafés onde haja alguém a comer e penso que é o mínimo que os fumadoeres podem fazer em respeito por todos aqueles que não fumam...
Mas também penso que tenho direito em me divertir, ir a um bar ou uma discoteca não é por ser fumadora que não tenho esse direito, os não fumadores que frequêntam esses locais já sabem para o que vão...
Se o governo está tão preocupado com a saúde pública então que proiba logo de uma vez o consumo do tabaco como uma droga ilegal, apesar de não lhes convir isso pois também as drogas alguns querem legalizar...

Joana said...

Eu SOU fumadora e também me incomoda o cheiro do tambaco quando estou a comer, tento não fumar em restaurantes e cafés onde haja alguem a comer e penso que é o mínimo que os fumadoeres podem fazer por respeito a todos os não fumadores.
Mas também penso que tenho direito em me divertir, ir a um bar ou uma discoteca não é por ser fumadora que não tenho esse direito, os não fumadores que frequêntam esses locais já sabem para o que vão...
Se o governo está tão preocupado com a saúde pública então que proiba logo de uma vez o consumo do tabaco como uma droga ilegal, apesar de não lhes convir isso pois também as drogas alguns querem legalizar...

Apesar de tudo, penso que quase todos os fumadores deviam conhecer o meu irmão (sim o tão famoso "Ganda")... Pois ele é daquele tipo de pessoas que todos os fumadores se sentem mal só a tirar o cigarro do maço...olha para nós com aquela cara de reprovador, pelo menos a mim intimida-me!!!! lol
Fumo muito menos quando tou com ele!!!

ZP said...

Joana, em primeiro lugar bem vinda ao blog. :)
Em relação a este assunto, posso-te dizer que sou muito pior que o teu irmão, ao pé de mim ninguém tem sequer a coragem de levar a mão ao bolso para tirar o maço de tabaco. :P
Mas não concordo nada com o que dizes. É claro que tens o direito de te divertires. Eu também tenho o direito de me divertir, e muitas vezes tive que deixar de entrar num bar porque o ar estava irrespirável, ou tive que sair pouco tempo depois de entrar porque já tinha os olhos a arder ou porque já não suportava respirar aquele fumo. A política do "só vai quem quer" é aberrante na minha opinião, pois se alguém tem que ser descriminado não pode ser de certeza um não fumador.

Vanadis said...

Concordo com parte do que a Joana (bem vinda!) diz, de que proibam logo de uma vez o raio do tabaco (claro q há as contrapartidas de q o JD falou, mas isso vai existir sempre...)! Também estou de acordo com o ZP...se alguém devia ser discriminado, esse alguém não pode ser um fumador, pôxa!

Tabagismo a doença! Tabagismo a doença! Votem no tabagismo para doença! ;-p

Apresentou demissão said...

Cheguei tarde a este assunto...nem sei se alguem ainda o vai ler...mas cheguei pra partir a loiça toda!!!

Com uma palavra digo o k acho dessa lei: IMPOSSíVEL.
E explico porquê duma maneira dura e cruel! Polémico no minimo...:p

Fumo! Gosto! Vou continuar a fumar! Aumente ou não aumente o preço, seja ou não proibido! E mesmo que proibam conto em transgridir algumas vezes... há coisas que me dão prazer (tal como conduzir em excesso de velocidade, ou assustar velhinhas na passadeira e beber desmesuradamente [não conduzo neste caso]) A minha vida vale tanto como a dos outros!
Sou incívico por natureza quando se trata de fazer valer os meus direitos! Claro está k assumo
depois todas as minhas responsabilidades no fim!
(3 multas de excesso de velocidade, todas pagas e caçassão de carta que tb já fui alvo e que voltei a tirar!)
Resolveu alguma coisa? não!
15 cigarros por dia saboreando todos do principio ao fim! No aeroporto já dei lume a um segurança!
Acho francamente mais irritante comer pipocas no cinema e não me importava de pagar pra impedir isso!

OK... exagerei nesta porra toda...mas perá lá!

Vão-me proibir de fumar num bar? Faz-me rir esta porra! Estamos em Portugal! Todas as leis se contornam facilmente, pagando!
É mesmo assim! Não sabes, ficas a saber! Quando chegar a tua vez vais perceber e vais fazer o mesmo!
Proibem-me...Não vou...perdem um grande cliente! Logo haverá bares especiais que possam adquirir mediante
pagamento de uma licença qualquer, a autorização... e suspeito que são esses que voltam a encher...
com fumadores e não fumadores... onde poderei gastar o meu dinheiro e esfumaçar a ver as malukas.
Discriminação de não fumadores... Meu Deus... Se chegam a qualquer bar em que não exista o clima apropriado pra diversão
(ou seja, n existe musica ou fumo) dizem: "Está berrado... vamos a outro sitio.."
Existem, de facto, temporariamente locais onde não se fuma... mas são mesmo temporarios, pois acabam por fechar por
falta de clientela...

Perguntam-me se me kero auto-destruir?!? Concerteza! Não foi também pra isso que vim ao mundo? Cabe a cada um se defender! (Pagar pra se defender! ou pensam k é de graça?)
Já agora, não posso ter o prazer de
me auto-destruir e vou deixar que a natureza se encaregue disso ao passar dos anos sem fazer nada? Se morrer que seja de
alguma coisa que EU fiz.
Mais uma vez discriminação...
Não kerem apanhar multas de estacionamento, estacionem bem o carro!
Não kerem apanhar uma indigestão cumpram 3 horas depois de comer antes de ir ao banho!
Não querem ficar encharcados levem guarda-chuva!
E sejam Bem-Vindos ao mundo Real!
Não kerem levar com o meu fumo não vão onde eu vou! Ou tenho de
ser eu a escolher?? Agressivo? Só quando me pisam!
A escolha já a fiz há algum tempo...e pago por ela! Os não fumadores pagam alguma coisa pra não levarem com o fumo?
Mas pagam alarmes pra não serem assaltados...
pagam roupa pra não andar nús...
pagam impostos pra ser recolhido o lixo domestico e serem tratados de modo a não morrerem intoxicados... pois é!!
Comparações que aos olhos de kem não fuma parecem ridículas, mas têm todo o sentido!
keres pagas! não keres pagas! Não keres pagar nada, estás caladinho e vês-me fumar, partilhas comigo o monoxido de
carbono a nicotina e o alcatrão assim como a conversa que continuamos a ter toda a noite!


Opção: Comprem mascaras de protecção e saiam assim de casa! Até podiam fazer um upgrade nas maquinas de tabaco.
Enquanto eu metia 2,35 euros pra tirar um Marlboro tinha um anti-tabagista a meter 2,35 euros e tirava uma mascara!
Isto se kissesse, claro está! Esta em causa a sua proteção da saúde que tanto os preocupa!

Alguém aki foi à tropa? Se foste deves saber bem o verdadeiro valor do cigarrinho! Se não foste não discuto contigo!

Nunca houve kem ker k fosse k me intimidasse a acender um cigarro, e se alguém um dia ousar me dizer n acendas isso
ou me olhe com ar intimidatório, terei todo o prazer em fumar em cima dele! Peso quase 90 kilos (é...tenho vindo a
engordar aki na ilha) e, ou é o fumo, ou é o meu peso que leva em cima... escolha... extremista? SIM!
Proibirem-me de fumar num lugar de confraternização é também um acto extremista! Eu considero!

E fica por aki...se alguem kiser mais diga!

E a última coisa... kem é k tem tomates em Portugal pra aprovar esta lei? ahhh...ninguém... ok! Estamos esclarecidos!

ZP said...

Redfox, a tua argumentação foi tão ridícula e absurda que nem me vou dar ao trabalho de discutir. Parece que viver em sociedade não é contigo, e tens orgulho nisso.